Este tipo é responsável pelo upload e visualização de arquivos nos formulários das instâncias do Titan. Ele herda de “Integer” pois o dado que é salvo dentro do banco é um número que representa o arquivo na estrutura de upload da instância.

Na prática, todo arquivo enviado por meio deste campo é inserido na pasta de arquivos da instância (definida no atributo ‘data-path’ da tagarchive’ do arquivo “configure/titan.xml”) e é referenciado por uma tupla criada na tabela mandatória ‘_file’ (no schema padrão do Titan). Desta forma, o valor inserido por este campo será o da chave entrageira para esta tabela. Assim, para utilizá-lo, basta criar a seguinte estrutura no banco de dados:

1
2
ALTER TABLE tabela ADD COLUMN coluna INTEGER;
ALTER TABLE tabela ADD CONSTRAINT coluna_file_fk FOREIGN KEY (coluna) REFERENCES _file (_id) ON DELETE RESTRICT ON UPDATE CASCADE NOT DEFERRABLE;

Na figura abaixo é mostrado um campo deste tipo.

Utilizando um campo do tipo "File" para vincular ao formulário em edição um arquivo previamente enviado à instância.

Este campo possui alguns atributos específicos. São eles:

  • owner-only: Quando este atributo existe e têm valor ‘true’, os arquivos previamente listados para associação são apenas aqueles que foram enviados pelo usuário;
  • show-details: Por padrão este atributo possui valor ‘true’. Quando ativo, irá exibir ao lado do arquivo associado as seguintes informações: nome do arquivo, tamanho (em bytes), mime type e descrição (se houver); e
  • resolution: Quando for uma imagem, o valor deste atributo determinará as dimensões do thumbnail](http://pt.wikipedia.org/wiki/Thumbnail) exibido.
  • owner-only: Veja abaixo.
  • public: Veja abaixo.

Além destes atributos, este tipo permite que seja declarada uma lista de tagsmime-type” internas. Trata-se dos tipos de arquivos (identificados por seu MIME Type) que o campo aceitará. Estes tipos devem ter sido previamente declarados no arquivo de configuração “configure/archive.xml”. Caso não seja declarada nenhuma restrição no field, ou seja, não haja nehuma tagmime-type” interna, o campo aceitará todos os tipos de arquivo habilitados para a instância.

Por exemplo, para declarar um campo que aceita apenas imagens, teríamos:

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
<field
	type="File"
	column="photo"
	label="Photo | pt_BR: Foto"
	tip="200 x 200 pixels"
	owner-only="true"
	show-details="false"
	resolution="200"
	help="Resolução recomendada de 200 pixels de largura por 200 pixels de altura.">
	<mime-type>image/jpeg</mime-type>
	<mime-type>image/gif</mime-type>
	<mime-type>image/pjpeg</mime-type>
	<mime-type>image/png</mime-type>
	<mime-type>image/x-bitmap</mime-type>
	<mime-type>image/photoshop</mime-type>
	<mime-type>image/bmp</mime-type>
</field>

Assim como no novo tipo Fck, o tipo ‘File’ suporta a exibição de arquivos multimídia (ou seja, vídeo e aúdio, além de imagens) utilizando o player nativo do HTML5. Para que esta funcionalidade funcione corretamente, é necessário ter o utilitário “avconv” instalado no servidor.

Para instalar o “avconv” no Windows, baixe a biblioteca “libav” no link abaixo, descompacte-a em seu sistema de arquivos e insira o caminho absoluto até a pasta “usr\bin” da biblioteca no path de seu Windows.

http://builds.libav.org/windows/

Para instalar no Debian, faça:

1
2
3
su -
aptitude update
aptitude install libav-tools

image alt text

O re-aproveitamento de arquivos já enviados também é facilitado. Basta clicar sobre a imagem em formato de “arquivo morto” para acessar o módulo de busca de arquivos.

É importantíssimo atentar-se para dois atributos do tipo. O primeiro é o “owner-only”. Por padrão este atributo tem valor ‘false’, ou seja, significa que o usuário que está acessando o mecanismo de busca verá todos os arquivos públicos enviados para o sistema. Caso você coloque este atributo com valor ‘true’, o usuário verá apenas os arquivos que ele mesmo enviou.

O outro atributo é o ‘public’. Por padrão este atributo é ‘true’, o que significa que um arquivo enviado pelo campo será público. Caso seja setado para ‘false’, o arquivo jamais será listado para outros usuários no módulo de buscas (mesmo que o “owner-only” seja ‘false’). Outro ponto importantíssimo sobre este atributo é que, devido à natureza do Titan (para a criação de CMSs de sites), os arquivos públicos podem ser visualizados por qualquer pessoa que tenha o link para ele, mesmo que não logado no sistema. Quando o arquivo não é público (valor do atributo igua a ‘false’), o Titan gera uma hash que passa a ser necessária para o arquivo ser aberto.

O tipo suporta 9.223.372.036.854.775.807 arquivos, ou seja, é virtualmente limitado apenas pelo espaço no servidor. O tamanho máximo dos arquivos enviados será o menor valor entre três diretivas do PHP: upload_max_filesize, post_max_size e memory_limit.